Ansiedade e as Fases da Pandemia Covid-19



A ansiedade tem vindo com grande força no momento atual. Estamos passando por várias fases diante da pandemia, em uma progressão assustadora.


A primeira foi de CONFUSÃO: ainda sem o isolamento, crianças foram liberadas e estavam se sentindo de férias, passeios ao ar livre; vídeos de música nas sacadas, pessoas cantando nas janelas, e, ao mesmo tempo, pânico no mercado financeiro. Busca desenfreada por álcool gel, máscaras e medo de faltar alimento.


Na segunda fase o TÉDIO já começou a aparecer. Cantar na janela já não fazia muito sentido; ninguém conseguia rir mais; os números do covid-19 começaram a aumentar, e casos com morte também. A percepção da gravidade da situação foi se instalando e deixando as pessoas mais preocupadas e/ou apavoradas.


Na terceira fase o SILÊNCIO, tristeza e imobilidade foram a tônica. Preocupação com o trabalho e a sobrevivência; números de casos aumentando no mundo todo; sistema de saúde vislumbrando colapso; preocupação extrema com a sobrevivência diante da possibilidade de não ter mais emprego ou o trabalho informal feito nas ruas; pais e filhos em casa tentando se adaptar no trabalho e estudo online; exposição de médicos e pessoas que não podem parar; necessidade de planos emergenciais em todos os níveis da sociedade.


Vamos dizer que estamos em uma quarta fase, que é de CAOS e TENTATIVA DE REORGANIZAÇÃO, ainda muito preocupados com o que pode vir. Oscilamos entre estados ansiosos e depressivos. Na verdade, cada fase depende de como a pessoa está vivendo esta experiência, de acordo com sua própria história de vida.


Talvez a primeira fase já tenha sido para muitos de completo CAOS. De qualquer forma, estamos todos no mesmo barco, nesta experiência que oscila entre medo, pânico, tristeza, preocupação; e solidariedade, busca de soluções, aproximação das pessoas (mesmo que não fisicamente), saudades do abraço; fé. O certo é que há muitas perguntas na mente. Serenidade e cautela são palavras essenciais neste momento. O que você faz para acalmar a sua mente?

Artigos em Destaque
Artigos Recentes
Tags
Siga-me!
  • Facebook Classic
  • Twitter Classic
  • Google Classic

Consultório

Próximo ao Metrô da Praça Sans Pena - Tijuca

Telefones

(21) 98866-0871

Não trabalhamos com convênios

  • w-facebook